Bolo de rosas

25 set

rosas_05

Apesar do tempo estranho nos últimos dias, estamos na primavera!

Como eu já falei em outros posts (aqui e aqui) não gosto muito do inverno. Sou mais do sol e do calor, amo dias longos e ensolarados e por isso faço questão de celebrar a chegada da primavera!

O dia ontem estava friozinho e chuvoso – perfeito para um bolo – então resolvi fazer meu bolo preferido de infância e decorar com rosas confeitadas em homenagem à estação mais florida do ano.

O resultado das rosas no bolo é lindo e parece super sofisticado, mas você vai se surpreender com o quanto é fácil de fazer! Amo.

Aprenda agora e tenha um ótimo comecinho de primavera!

Bolo de chocolate:

  • 4 ovos
  • 2 xícaras de açúcar (360g)
  • 2 xícaras de farinha (240g)
  • 1 xícara de leite (240ml)
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 colher (sopa) de manteiga sem sal
  • 4 colheres (sopa) de chocolate em pó ou Nescau (eu uso Nescau para relembrar o gostinho da infância, mas se você preferir uma massa menos doce use chocolate em pó – como o chocolate do Padre)

Pré-aqueça o forno a 180 graus. Bata as claras em neve, misture as gemas e o açúcar, e continue batendo. Adicione a farinha e o Nescau e bata bem para incorporar. Por cima da massa, espalhe o fermento peneirado e NÃO MEXA. Reserve. Em uma panela pequena, coloque para ferver o leite com a manteiga, e jogue em cima da massa, mexendo bem. Despeje em uma fôrma redonda bem untada e leve ao forno por cerca de 40 minutos (espete a massa com um palito de dente para testar, o bolo estará pronto quando o palito sair limpo). Desenforme quando estiver morno.

Recheio:

Pra variar, usei brigadeiro! Sou completamente alucinada por brigadeiro, e como meus filhos também amam acabo escolhendo essa opção de recheio pra 99% dos bolos que eu faço. Prometo que vou testar outros recheios nos meus próximos bolos! Neste aqui você pode usar outros recheios à base de leite condensado, como beijinho de coco, bicho de pé (que é o brigadeiro de morango, fica lindo inclusive porque combina com a cor da cobertura de rosas!), ou brigadeiro branco com morangos por exemplo. Na verdade você pode usar qualquer recheio que goste, inclusive o próprio buttercream da cobertura se quiser. O importante é ficar bem gostoso!

Calda:

Gosto de umedecer os meus bolos com uma caldinha feita com 1/2 xícara de água + 1/2 xícara de açúcar. É só levar ao fogo e deixar ferver um pouco. Você pode aromatizar a calda colocando cravos e/ou pau de canela junto na fervura, depois é só retirar e a calda vai estar com o sabor desses ingredientes. Regue as partes do bolo que vão entrar em contato com o recheio e veja a diferença que faz no final – o bolo fica super úmido e muito mais gostoso!

Buttercream (para a cobertura):

  • 1 xícara de manteiga (200g) em temperatura ambiente (super importante pois a manteiga tem que estar amolecida!)
  • 500g de açúcar de confeiteiro – Glaçúcar
  • 1 colher (sopa) de essência de baunilha
  • 4 colheres (sopa) de leite
  • Uma pitada de sal
  • Corante comestível líquido ou em gel na cor desejada (eu usei o Soft Gel da Mix na cor pink)

Na batedeira, bata a manteiga com a baunilha e o sal até obter uma mistura cremosa. Acrescente o açúcar aos poucos (1 xícara por vez), alternando com o leite. Bata sempre entre cada adição, para manter a mistura homogênea. Depois de terminar, verifique se a consistência está boa (deve ser pastosa, ou seja, não muito cremosa nem muito firme). Se estiver muito firme, acrescente um pouco mais de leite, e se estiver muito cremosa, acrescente um pouco mais de açúcar. Pingue algumas gotas do corante na cor desejada e bata para misturar bem. Pingue o corante aos poucos (1 gota por vez) até conseguir o tom desejado.

Monte o bolo sobre um prato bacana que você goste. É aconselhável antes da montagem colocar pedaços de papel alumínio sobre as bordas do prato e montar o bolo em cima. Assim, depois de cobrir e confeitar o bolo você retira o papel alumínio e o prato fica limpinho, sem farelos de bolo nem sujeira da cobertura! Corte o bolo ao meio, regue com a calda e recheie com o doce escolhido. Com um pouco de buttercream e a ajuda de uma espátula, cubra todo o bolo – superfície e laterais – deixando o mais liso possível. A buttercream é bem fácil de manusear, parece massa corrida, então você não vai ter problemas aqui. O objetivo é cobrir todo o bolo deixando apenas a cor da buttercream aparente – a massa e o recheio não devem aparecer.

Coloque a buttercream restante em um saco de confeiteiro com bico pitanga fechado. Os ideiais são os da Wilton 1M ou 2D, mas como eu não tenho nenhum destes usei o 2C, que é parecido. Deu certo, mas confesso que prefiro o resultado com os outros bicos. Vou correndo comprar um de cada pra mim!

Para confeitar uma rosa, aperte o saco de confeitar e gire fazendo movimentos circulares em torno do centro duas vezes. Só isso! Faça o mesmo movimento, girando para o mesmo lado e terminando no mesmo lugar em todas as rosas que você for confeitar. Assim elas ficarão bem homogêneas e o resultado muito mais bonito.

Abaixo, um vídeo-tutorial do blog I am Baker. Super didático, olha só:

Comece a confeitar as rosas pela lateral do bolo. Faça todas as rosas da lateral e depois cubra o topo do bolo com mais rosas. Você pode tentar fazer todas do mesmo tamanho, ou intercalar algumas maiores e outras menores, como eu fiz. Quando terminar, você vai notar alguns espacinhos entre cada rosa que ficaram vazios. Faça então uma “voltinha” de buttercream com o bico de confeitar para preencher todos esses vãos, tentando sempre acompanhar o contorno da rosa que estiver ao lado para o resultado ficar bem natural.

Seu bolo de rosas está pronto, e lindo!

bolo 3

bolo 4

rosas_01

rosas_02

rosas_03

rosas_06

rosas_09

rosas_10

rosas_04

Algumas dicas sobre o buttercream:

  • Ele pode ser feito de véspera – neste caso, mantenha em geladeira e bata na batedeira novamente antes de usar.
  • Depois de algumas horas, a superfície do buttercream “seca”, fica durinha. Mas se o clima estiver muito quente, ao invés de endurecer, o buttercream pode desmontar, ou seja, derreter e perder a forma. Para evitar, deixe em geladeira até servir.
  • A conservação do bolo depois de pronto deve ser essa mesma: geladeira para quando o clima estiver quente, e temperatura ambiente se o tempo estiver frio.
Anúncios

3 Respostas to “Bolo de rosas”

  1. Li 17 de dezembro de 2013 às 22:55 #

    Estou encantada, design maravilhoso! Uma dica…usar água de rosas para deixá-lo com o gosto de rosas também!

  2. Angélica Carvalho - As Margaridinhas 23 de setembro de 2014 às 11:04 #

    Olá! Ficamos encantadas com seu bolo e compartilhamos sua receita em nosso Blog. Quanta delicadeza, nos fez lembrar da infância! Colocamos os créditos, esperamos que corretamente. Faz uma visitinha… http://www.jeitodemargarida.blogspot.com
    Um beijo.

    • Vivi Cestari 24 de setembro de 2014 às 11:17 #

      Muuuito obrigada pelo carinho!! :)

      Beijo grande,
      Vivi

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: